5 versos sobre o amigo fiel

Diz João 15:13, Ninguém tem mais amor do que dar a sua vida pelos seus amigos.. O filho de Deus é o exemplo perfeito de amizade que a Bíblia Sagrada apresenta, porque Jesus Ele deu sua vida para nos salvar e nos reconciliar com Deus, ele morreu em nosso lugar, porque ele é um verdadeiro amigo. A amizade é um presente de Deus, a coisa mais bela, porque podemos dar e receber, fomos criados para nos relacionar, interagir, compartilhar e não estar sozinhos e distantes, por isso hoje eu quero compartilhar estes versos sobre a verdadeira amizade.

Então o Senhor Deus disse: "Não é bom para o homem estar sozinho. Eu vou dar-lhe ajuda adequada.

(Gênesis 2:18)

No livro da g√™nese no in√≠cio da cria√ß√£o, Deus como arquiteto e criador sempre perfeito, quando cria o homem, percebe que precisava de um companheiro que estivesse l√° para compartilhar suas experi√™ncias, com quem pudesse expressar seus sentimentos, rir, chorar, caminhar, brincar, compartilhar conquistas, fracassos e √© por todas essas raz√Ķes e muitas mais que se cria um companheiro, que neste caso foi o mulher.

Todos n√≥s temos um fam√≠lia a que pertencemos e com quem partilhamos grande parte da nossa vida, inf√Ęncia e adolesc√™ncia, juventude E quando atingimos um certo grau de maturidade, Deus nos d√° pessoas especiais, como nossos amigos, parceiros, entre outros. √Č precisamente nesse momento de maturidade que recordamos e valorizamos todas aquelas pessoas que de uma forma ou de outra deixaram a sua marca na nossa caminhada, por exemplo, aquele amigo de inf√Ęncia que te apoiou e protegeu, aquele que partilhou o seu almo√ßo quando o teu foi esquecido, em suma, √© bonito olhar para tr√°s e recordar todas aquelas pessoas com quem partilh√°mos momentos bonitos.

5 versos sobre o fiel amigo 1

Quem se associa com os s√°bios torna-se s√°bio; quem se associa com os tolos chega a um mau termo.

Provérbios 13:20

Todos n√≥s podemos ser influenciados, seja pela publicidade, pelas pessoas com quem convivemos, pela televis√£o, pela m√ļsica, pelas tend√™ncias tecnol√≥gicas, em suma, somos seres humanos que copiam o comportamento e os modelos dos nossos pares. Nem sempre podemos escolher os nossos pares. No trabalho, na escola ou na nossa urbaniza√ß√£o; estamos sempre a interagir com os outros. No entanto, sempre que poss√≠vel, √© do nosso interesse escolher "pares s√°bios".

Mas.., Como sabemos se os nossos parceiros são sábios? Muitos de nós temos a tendência de nos associarmos com aqueles que são como nós ou pensam como nós. Devemos ter em mente que a sabedoria está na palavra de Deus, portanto toda pessoa a ela apegada gozará de sabedoria. Escolher nossas amizades por algum interesse, mais cedo ou mais tarde será quebrado e você continuará a se sentir sozinho, por isso recomendo muita humildade e tempo para escolher aqueles "companheiros sábios", que dedicarão parte de seu tempo para escutá-lo, para compartilhar e, o mais importante, para que você dê. Porque tenha sempre em mente que "mãos que dão, que também recebem carência"..

Perd√£o restabelece a amizade, o rancor acaba com ela.

Provérbios 17:9

Os amigos estão lá para o melhor e para o pior, e há momentos em que sentimos traição, engano, frustração de não sentir o mesmo compromisso do nosso amigo. O ressentimento é um daqueles sentimentos que não nos permite avançar e, portanto, um dos piores sentimentos que podemos ter. inimigos dos nossos sonhos, o ressentimento nos isola, nos machuca e você sabe por quê, porque vem sempre das pessoas que são mais queridas ou mais próximas de nós.

FORGIVO, é um dos sentimentos que nos faz sentir mais realizados e melhor emocionalmente, o perdão é aquele que cura um coração danificado, é renunciar a todos os sentimentos de raiva, ressentimento, dor. Devemos esquecer de todo o coração os danos emocionais das palavras ou gestos das pessoas que nos causaram dor em algum momento de nossas vidas. O perdão entre amigos é dar um nova possibilidade à vida, é fechar a porta sobre o passado e construir um bom presente.

Quando perdoamos do coração, nossa mente está em paz, e libertamos esse amigo de toda culpa, mas acima de tudo nos libertamos abrindo espaço para o nosso Deus, pois é ele quem nos dá força para desculpe.

Um amigo ama em todos os momentos, e um irm√£o nasce para momentos de problemas.

Provérbios 17:17

Vivemos em tempos cada vez mais acelerados e dif√≠ceis, √†s vezes a dist√Ęncia dificulta a proximidade f√≠sica, gerando uma dist√Ęncia e muitas vezes aumentando o fundo das mem√≥rias dos momentos vividos. No entanto, embora seja verdade que estes s√£o tempos dif√≠ceis, vivemos em tempos modernos em que as dist√Ęncias est√£o a ser superadas. obrigado √† tecnologia atrav√©s do uso de redes sociais que contribuem e facilitam o sentimento de proximidade entre nossos entes queridos, mesmo quando h√° dist√Ęncia f√≠sica envolvida. Lembremo-nos de Salom√£o que disse que √© melhor ter amigos do que estar sozinho.

Qualquer actividade pode ser feita, mais r√°pida e melhor, se duas pessoas trabalharem lado a lado; os amigos podem apoiar-se mutuamente, aliviar os fardos um do outro, estender a m√£o para se levantarem quando trope√ßam; os amigos d√£o vida ao calor. Os amigos consolam-se uns aos outros quando confrontados com situa√ß√Ķes amea√ßadoras, e d√£o encorajamento quando experimentam estados de vulnerabilidade. Os amigos imbuem-se de for√ßa uns aos outros. Finalmente, se dois forem fortes juntos, ser√£o mais fortes quando estiverem unidos ao Senhor nosso Deus.

A riqueza aumenta os amigos, mas até o amigo de um pobre homem o abandona.

Provérbios 19:4

√Č uma das realidades mais dif√≠ceis, quando estamos bem, seja porque gozamos de uma posi√ß√£o econ√≥mica est√°vel, prest√≠gio social, um emprego numa empresa de prest√≠gio, em suma, quanto mais aumenta a nossa riqueza, mais aumentam os nossos amigos.

Muitas vezes abandonamos nossos verdadeiros amigos porque conhecemos novos amigos que nos impressionam com seu ambiente social, seus c√≠rculos de amigos, os recursos que eles administram, em suma. N√≥s esquecemos aqueles verdadeiros amigos que estiveram ao nosso lado atrav√©s do grosso e do fino. Lucas, em seu livro 16:9, nos faz refletir sobre este ponto:¬† "... Por isso vos digo, fazei uso das riquezas do mundo para ganhar amigos, para que, quando estes se forem embora, haja aqueles que vos receber√£o nas habita√ß√Ķes eternas."

Jesus Cristo pretende que nós, através do nosso estatuto social ou riqueza económica, a utilizemos como uma ponte para encontrar muitos amigos. O dilema será quando o nosso estatuto mudar para pior. Será que esses amigos estarão realmente connosco, para nos estenderem o seu braço amigo?

Talvez muitos de voc√™s tenham ouvido falar de amizade por interesse; quando algu√©m procura a sua amizade porque sabe que voc√™ √© capaz de ajud√°-los. Ou quando voc√™ procura a amizade de algu√©m, porque voc√™ sabe que essa pessoa ser√° capaz de ajud√°-lo um dia. √Č por isso que os ricos t√™m muitos amigos, pelo menos enquanto a sua riqueza durar. Quando a riqueza acaba, os amigos acabam, como diz o prov√©rbio. ¬†"... mas at√© o seu pobre amigo o abandona", E n√£o √© tudo mau, pois se os pobres s√£o salvos de alguma coisa, √© de amigos por interesse, dos quais os ricos nunca se podem livrar.

Este website utiliza cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de utilizador. Se continuar a navegar, está a dar o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e para a aceitação dos nossos política de cookies

ACEITO
Aviso de Bolacha
pt_PT